22.7 C
Tarauacá
18/04/2024

Gravadoras rebatem Anthropic em processo de direitos autorais envolvendo inteligência artificial


Por Blake Brittain

(Reuters) – As gravadoras Universal Music, ABKCO e Concord Music Group afirmaram a um tribunal federal do Tennessee, nos Estados Unidos, que a Anthropic está se baseando em falsidades para se defender de um processo que acusa a empresa de inteligência artificial de utilizar indevidamente centenas de letras de músicas.

As gravadoras afirmaram nesta quarta-feira em um documento judicial que o chatbot Claude, da Anthropic, foi programado para gerar letras de músicas cujos direitos autorais elas detêm, rebatendo o que classificaram de argumentos “comprovadamente falsos” de que qualquer reprodução dos seus trabalhos era um “erro, não um recurso” do programa.





Fonte

Recente:

Boletim de Informações

spot_img

Não deixe de ler:

Intel lançará dois chips de IA para China com recursos reduzidos

PEQUIM (Reuters) - A Intel lançará dois chips...

Em Tarauacá, Defensoria Pública orienta famílias sobre regularização fundiária e ambiental

A ação itinerante garante acesso de comunidades rurais...

Salve números no seu celular sem precisar digitar nada

Lembra o trabalho que dá pegar o número...
spot_img

Google demite funcionários e transfere algumas funções para outros países em meio a cortes de custos

As demissões em massa seguem uma série de cortes de pessoal em toda o Google e no setor de tecnologia e mídia este...

Intel lançará dois chips de IA para China com recursos reduzidos

PEQUIM (Reuters) - A Intel lançará dois chips de inteligência artificial com recursos reduzidos para o mercado chinês, a fim de cumprir os...

Salve números no seu celular sem precisar digitar nada

Lembra o trabalho que dá pegar o número de um contato novo que você registrou em uma foto ou anotou no papel e...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui